- A banda larga é igual em todas as escolas, mas elas não são iguais, algumas têm 150 alunos, outras dois mil. É preciso fazer um redimensionamento - disse Paulo Bernardo.

O ministro das Comunicações afirmou que está sendo feito um mapeamento para ver onde é necessário aumentar a velocidade da banda larga. Segundo ele, o Ministério da Educação (MEC) já sabe quais são as de maior porte e o objetivo é de que a partir do início de 2013 a internet de maior velocidade já esteja em funcionamento nestes estabelecimentos de ensino.

Paulo Bernardo explicou que as empresas de celular foram chamadas para participar do trabalho porque em alguns lugares o reforço da rede de banda larga pode ser feito com tecnologia móvel, tem soluções que podem ser “casadas” entre serviço fixo-móvel.

- Vamos redimensionar essas redes nas grandes escolas para que a capacidade de tráfego esteja adequada. Os professores vão receber tablets e a escola precisa estar preparada - disse.

Neste segundo semestre o MEC vai doar as escolas 600 mil tablets que serão usados pelos professores e gestores das escolas públicas. A distribuição do equipamento faz parte do projeto “Educação Digital - Política para computadores interativos e tablets”, destinado as escolas públicas de ensino médio.


Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/tecnologia/escolas-de-ensino-medio-com-muitos-alunos-terao-banda-larga-mais-veloz-6069412#ixzz26m7ReYag
© 1996 - 2012. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.


Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Quem está Online

Temos 59 visitantes e Nenhum membro online

Palavras-chave

Buscar