UMA FALA DE UMA ESPECIALISTA: http://bit.ly/2hVy3HV

 UMA CRÔNICA: https://conceicaofreitas.wordpress.com/2017/07/12/chegando-aos-60/

"UM EPÍLOGO POSSÍVEL"

"Quando o homem aprende a reconhecer que não pode reagir à influência do homem superior nem pela cultura nem pela divisão da personalidade nada mais lhe resta que um caminho, um método. O ser superior deve, então, inflamar a remeniscência até torná-la um fogo, uma aflição opressiva, uma solidão, um incomensurável desejo, uma cruciante nostalgia que penetra a carne, torna-se um delírio e faz com que se esconda a cabeça numa almofada para sufocar os soluços; um manifestar de pensamentos de desespero diante de uma vida perdida, em que tudo se tornou obscuro."

(O MISTÉRIO INICIÁTICO DE CRISTÃO - Dei Gloria Intacta. J. Van Rijckenborgh. Jarinu/SP: Editora RosaCruz. 2003.

Esse homem celeste nada tem em comum com a manifestação dialética. Nem um fio de cabelo, nem uma fibra muscular, nem a menor célula da carne participa nesse processo; nem um por cento sequer!

À medida que a reminiscência importuna o homem e destrói sua paz e o força a percorrer o mundo, soltando gritos de dor, tal como o judeu errante da lenda, o homem celeste cresce e volta a ser uma entidade auto-criadora.

Mas os peregrinos o ignoram e se fitam mutuamente com os olhos abrasados e suplicam: "Ó Deus, salva-nos!" - porque eles sew sentem morrer, eles se sentem naufragar. E, durante esse tempo, o homem celeste cresce - porém eles não sabem. E isso é a Rosacruz!"

(O MISTÉRIO INICIÁTICO DE CRISTÃO - Dei Gloria Intacta. J. Van Rijckenborgh. Jarinu/SP: Editora RosaCruaz. 2003.